Após atropelar casal no Rio, Marcinho parou carro em rua perto do acidente e foi à casa de um amigo

Jogador falou ao Fantástico, que obteve vídeo exclusivo de momentos depois do acidente que causou a morte de dois professores

           

https://www.facebook.com/g1/posts/4798556983529682

Que tristeza! Pior que para quem tem dinheiro e pode pagar bons advogados, que acreditam piamente, que ele estava a 60 por hora, curtindo a paisagem, quando de repente dois pedestre destraidos se jogaram em seu carro. Do mesmo jeito que ele não deu socorro para as vítimas, por medo de linchamento, ele também demorou 5 dias para se apresentar, porque também teve que se recuperar do medo de ser linchado. Ai os advogados encontraram nas leis frágeis, ultrapassadas, as brechas para que o moço possa sair de fininho como uns e outros famosos que passaram por essa mesma situação. Se o infeliz que comete um crime desse perdesse a CNH para sempre, se pegasse a pena que determina a lei de fato. Se tivesse que indenizar a família com o mesmo valor que a vítima produzia com seu trabalho por mês durante sua vida ativa na função. Talvez , o indivíduo tivesse mais um pouquinho de atenção ao pegar um veículo para dirigir, dirigiria obedecendo o limite de velocidade e obedeceria as leis do trânsito.


+