Uber exclui mais de 15 mil motoristas por cancelamento constante de corridas, diz associação

Segundo motoristas ouvidos pelo g1, as contas foram desativadas sem aviso prévio

           

https://www.facebook.com/g1/posts/5663653613686677

Eu tinha feito um pedido há duas semanas.
O primeiro UBER, cancelou do nada. Depois de 4 tentativas e canceladas por eles mesmos, é que eu consegui na 5ª. Isso me custou, 20 minutos aguardando um motorista.
Resumo: eu estava saindo de minha casa (local de classe média e sem nenhuma favela) para ir a uma consulta médica que ficava dentro de um hospital, na área hospitalar.
Só não entendi com essas séries de cancelamentos se, eu já estava acostumada a pedir há mais de 3 anos. Acho que eles nunca olharam o meu histórico e por quanto tempo que eu já uso o UBER.
Ultimamente, eu já tinha perguntado para vários motoristas se eles ficam sabendo para onde eu estaria indo ou se era por causa do valor da corrida. Eles me afirmaram que não eram nada disso e que os motoristas eram livres de escolher a rota e para qual região querem somente ir.
Achei estranho.
Depois disso, eu fiquei precavida para chamar o UBER no mínimo de 20 minutos com antecedência para não me atrasar.
E depois dessas ondas de cancelamentos, o tempo de espera por um motorista, aumentou acima de 10 minutos para localizar o primeiro motorista, antes da onda do primeiro cancelamento. O atendimento piorou.
Isso perdeu a confiança.


É culpa do seu governo que aumentou os combustíveis, antes dos aumentos dos tinha muito motorista de aplicativos os motoristas estão desistindo ser trabalhar de aplicativos, tem menos motoristas tinha 450 mil motoristas em São Paulo agora só te 90 mil motoristas É isso que está acontecendo tudo tá caro principalmente o combustível vê os camioneiros também estão desistindo de ser motoristas o diesel tá quase 5 reais e a gasolina 7 reais, tenham EMPATIA COM ELES, eu uso aplicativos e me atendem super bem quem tem quer ser bandido é os aplicativos que é de outros países, fiz uma corrida esses dias paguei 35 reais perguntei para o motorista qual era o lucro dele na viagem ele falou que ia ficar com 20 reais isso é difícil pra eles, fora a manutenção dos carros que não é barato , fica a minha indignação com pessoas falando de trabalhadores se põe no lugar deles, fala com o seu presidente os alimentos caros muita gente passando FOME sem empregos a fala sério....


Muito fácil criticar , quando está do outro lado !
Vocês não sabem o que acontece no aplicativo!
Somos obrigados a aceitar a cada 3 chamadas,para que o aplicativo não desligue, ele chama duas corridas que não nos interessa, área de risco , embarque muito longe e tempo de chegada mais de 10 minutos , fora a metodologia praticada pela Uber de tocar com referência 1 bairro e arredores que muitas das vezes é como andar no escuro, pois não temos a menor idéia de onde será !
Outra coisa muito interessante, ninguém se preocupa em deixar o motorista exposto na rua correndo risco de assalto, por simplesmente chamar de dentro de casa ou apartamento e pedir para o motorista esperar que ainda vai entrar no elevador ou estão batendo papo, aí motorista cancela e ficam reclamando, porém que está na rua somos nós ,sendo alvo fácil para os bandidos.
Vocês sabiam que tem horas pessoas que pedem as corridas para terceiros, nós fazemos a viagem e os valores simplesmente são estornados ,porque o passageiro fala que não fez a viagem .
Vocês sabiam que a Uber também toca para buscar e levar dentro de comunidades ,que inclusive tem escrito em faixas ou em paredes proibido Uber .
Quando comecei no aplicativo o valor mínimo era 7,25 hoje o valor da corrida é 6,60, vocês sabem o valor do combustível?
Já viram quantos motoristas foram mortos só esse ano trabalhando ?
Quantos foram assaltados e os aplicativos, não nos ajudam em nada !
Vocês sabiam que se um motorista sumir e a família for pedir ajudar ,para tentar localizar muitas das vezes o corpo é negado ?
Vocês sabiam que a Uber agindo desta forma ela está caracterizando vínculo empregatício, pois não a nada na plataforma que obrigue o motorista a fazer determinadas corridas ?
Vocês tem que reclamar é com a Uber ,pois foi ela quem mudou tudo desde o início !



Infelizmente lendo alguns dos vários comentários mostra que, cada um está preocupado com que afeta a si próprio e não com o próximo. Passageiro reclamam que motoristas cancelam e o aplicativo puni, quem faz a empresa funcionar, motoristas a engrenagem do negócio. Muitos passageiros não sabem que, se você recusa duas corridas seguidas por não compensar $$, devido o lugar de destino não conseguir pegar outras corridas, ou até mesmo voltar metade ou mais da metade do caminho sem passageiro, infelizmente ele precisa aceita e cancelar, por que se ele não aceita, o aplicativo pune o motorista. Infelizmente motorista de aplicativo não são iguais os táxis que já cobra um valor de ida, volta e lucro. Uber cobra de 30 a 40% das corridas, Gasolina 6.10 valor da corrida 5.21, aluguel de carros que muitos pagam quase 2k por mês, outros pagam financiamento, manutenção como pode o motorista aceitar essa corrida? Um dos comentários que li, a pessoa diz, então procura outra coisa para fazer. Legal, se quem diz isso conseguir emprego para esses motoristas que foram excluídos, vc tem todo direito de dizer. A única coisa mais lógica seria usuários ( passageiros) motoristas cobrarem a empresa para que melhorem o serviço, não acharem culpados. Isso é uma via de duas mãos, motoristas precisa trabalhar e passageiros precisam se locomover. Devem entender que o problema não é julgar quem achamos errado porque o motorista é vítima assim como o passageiro. Devemos como usuários cobrar a empresa que fornece o serviço e não o prestador do serviço. Se a empresa paga mau, mau funcionários terão.


A verdade é que isso já era tragédia anunciada, uma bolha que estava prestes a estourar. Quem usa carro no dia a dia sabe quanto custa manter um veículo, e com os valores de tarifas que os apps repassam aos motoristas, não poderia funcionar mesmo, a conta não fecha.
No fim da história, passageiros sofrem com os constantes cancelamentos, já que algumas corridas tem valor menor que 1 litro de gasolina, os motoristas sofrem porque mal conseguem fazer o mínimo pra sobreviver, além das reclamações e encheção de saco de alguns passageiros que querem andar "de graça" .
Só quem ganha o tempo todo são os apps, passageiro e motorista só perdem.


Eu sempre fui a favor do motorista, tratar bem o motorista, respeitar o carro dele, não abusar das gentilezas nem achar que gentilezas são obrigações.
Mas cara da maneira que está também perdeu-se completamente o equilíbrio entre as partes, meses atrás precisei de um carro para levar um familiar até o pronto socorro e simplesmente não conseguia uma corrida porque a distância era pequena (2km), uma coisa é priorizar corridas longas, mas só querer elas aí na boa não tem como o próprio serviço se manter viável, novamente estamos vendo os próprios usuários fazerem de boas ideias serviços inviáveis, aí se perguntam o "porque" de nada dar certo no Brasil...


Povo quer pagar 8,00 na corrida e fazer o Uber de escravo, querem que o motorista chegue rápido, que ajude a tirar compras do carrinho e depois do porta malas, e sem falar em dias de chuva que entram ensopados e com guarda chuva molhando o carro inteiro. Pessoal é sem noção de mais, e quer reclamar dos Uber que cancelam as corridas. Já deram uma olhadinha no valor do combustível ? Das manutenções do carro ? E querem pagar 8,00 em corridas até a praia kkkkkkkk sem falar dos sem noção que vomitam dentro do carro ou das mães sem noção que tá vendo que o filho tá passando mal e não levam uma sacolinha, preferem sujar o carro do cara.


Ué mas se o aplicativo é de corrida.
Os motoristas querem escolher : onde vai , quem vai , o horário .
A parte de lidar com passageiro insuportável eu entendo, porque é cada figura .
E a gasolina né .

Aí aceita somente o que é cômodo, e os passageiros que se dane ?? Não ta certo , não quer trabalhar , bane mesmo.

Igual passageiro que paga 7 conto é que ir de Audi , veloster .
Se vem um carro padrão da chilique , então vai de ônibus .
A meta é chegar até o lugar ambos em segurança.


Na hora que cancelam nossa corrida não se importam se estão nos atrasando para o trabalho, para um compromisso, mas agora reclamam que foram cancelados sem aviso prévio.
A partir do momento que aceitam e se comprometem a trabalhar com este tipo de aplicativo se tem ciência da responsabilidade pelo horário e com compromissos que o .outro tem que cumprir, e eles ou nós depositamos está confiança em vcs.
Quantas vezes cheguei atrasada em meu trabalho por cancelamentos por quem não tem compromisso com o trabalho que assumem fazer, e ficam cancelando e escolhendo o que é mais vantajoso para seu bolso.
Está mesma falta de responsabilidade causou agora o cancelamento de milhares, não adianta mais chorar o leite derramado....


10ºPessoal entendam uma coisa: A Uber, a princípio, veio como um app de CARONA. Devido a facilidade em poder trabalhar nisso a procura foi muito grande e todos os passageiros que eram dos taxistas foram para Uber.
Lembran quando os taxistas iam fazer manifestação na prefeitura para o Haddad taxar os Apps??? Os motoristas de Uber não estavam nem aí.
Então veio a pandemia, muitas pessoas foram obrigadas a trabalhar de Uber, devido o caos gerado.
A demanda de motoristas, penso eu, deve ter sido até maior que oferta de passageiros.
Vieram outros apps, como Indriver e 99. A concorrência aumentou a oferta de preços.
Então o que estava sendo utilizado como meio de trabalho fixo ( sendo que a Uber começou como app de carona) acabou gerando essas requisiçoes de maiores ganhos com tarifas altas e os apps não nasceram com o objetivo se serem taxistas.


+