Presidente Jair Bolsonaro visita Aparecida no Dia da Padroeira e ouve aplausos e vaias

Viagem não estava prevista na agenda oficial

           

https://www.facebook.com/g1/posts/5726315140753857

O JAIR QUE HÁ EM NÓS!

O Brasil levará décadas para compreender o que aconteceu naquele nebuloso ano de 2018, quando seus eleitores escolheram, para presidir o país, Jair Bolsonaro. Capitão do Exército expulso da corporação por organização de ato terrorista; deputado de sete mandatos conhecido não pelos dois projetos de lei que conseguiu aprovar em 28 anos, mas pelas maquinações do submundo que incluem denúncias de “rachadinha”, contratação de parentes e envolvimento com milícias; ganhador do troféu de campeão nacional da escatologia, da falta de educação e das ofensas de todos os matizes de preconceito que se pode listar.
Embora seu discurso seja de negação da “velha política”, Bolsonaro, na verdade, representa não sua negação, mas o que há de pior nela. Ele é a materialização do lado mais nefasto, mais autoritário e mais inescrupuloso do sistema político brasileiro. Mas – e esse é o ponto que quero discutir hoje – ele está longe de ser algo surgido do nada ou brotado do chão pisoteado pela negação da política, alimentada nos anos que antecederam as eleições.
Pelo contrário, como pesquisador das relações entre cultura e comportamento político, estou cada vez mais convencido de que Bolsonaro é uma expressão bastante fiel do brasileiro médio, um retrato do modo de pensar o mundo, a sociedade e a política que caracteriza o típico cidadão do nosso país.
Quando me refiro ao “brasileiro médio”, obviamente não estou tratando da imagem romantizada pela mídia e pelo imaginário popular, do brasileiro receptivo, criativo, solidário, divertido e “malandro”. Refiro-me à sua versão mais obscura e, infelizmente, mais realista segundo o que minhas pesquisas e minha experiência têm demonstrado.
No “mundo real” o brasileiro é preconceituoso, violento, analfabeto (nas letras, na política, na ciência... em quase tudo). É racista, machista, autoritário, interesseiro, moralista, cínico, fofoqueiro, desonesto.
Os avanços civilizatórios que o mundo viveu, especialmente a partir da segunda metade do século XX, inevitavelmente chegaram ao país. Se materializaram em legislações, em políticas públicas (de inclusão, de combate ao racismo e ao machismo, de criminalização do preconceito), em diretrizes educacionais para escolas e universidades. Mas, quando se trata de valores arraigados, é preciso muito mais para mudar padrões culturais de comportamento.
O machismo foi tornado crime, o que lhe reduz as manifestações públicas e abertas. Mas ele sobrevive no imaginário da população, no cotidiano da vida privada, nas relações afetivas e nos ambientes de trabalho, nas redes sociais, nos grupos de whatsapp, nas piadas diárias, nos comentários entre os amigos “de confiança”, nos pequenos grupos onde há certa garantia de que ninguém irá denunciá-lo.
O mesmo ocorre com o racismo, com o preconceito em relação aos pobres, aos nordestinos, aos homossexuais. Proibido de se manifestar, ele sobrevive internalizado, reprimido não por convicção decorrente de mudança cultural, mas por medo do flagrante que pode levar a punição. É por isso que o politicamente correto, por aqui, nunca foi expressão de conscientização, mas algo mal visto por “tolher a naturalidade do cotidiano”.
Se houve avanços – e eles são, sim, reais – nas relações de gênero, na inclusão de negros e homossexuais, foi menos por superação cultural do preconceito do que pela pressão exercida pelos instrumentos jurídicos e policiais.
Mas, como sempre ocorre quando um sentimento humano é reprimido, ele é armazenado de algum modo. Ele se acumula, infla e, um dia, encontrará um modo de extravasar. (...)
Foi algo parecido que aconteceu com o “brasileiro médio”, com todos os seus preconceitos reprimidos e, a duras penas, escondidos, que viu em um candidato a Presidência da República essa possibilidade de extravasamento. Eis que ele tinha a possibilidade de escolher, como seu representante e líder máximo do país, alguém que podia ser e dizer tudo o que ele também pensa, mas que não pode expressar por ser um “cidadão comum”.
Agora esse “cidadão comum” tem voz. Ele de fato se sente representado pelo Presidente que ofende as mulheres, os homossexuais, os índios, os nordestinos. Ele tem a sensação de estar pessoalmente no poder quando vê o líder máximo da nação usar palavreado vulgar, frases mal formuladas, palavrões e ofensas para atacar quem pensa diferente. Ele se sente importante quando seu “mito” enaltece a ignorância, a falta de conhecimento, o senso comum e a violência verbal para difamar os cientistas, os professores, os artistas, os intelectuais, pois eles representam uma forma de ver o mundo que sua própria ignorância não permite compreender.
Esse cidadão se vê empoderado quando as lideranças políticas que ele elegeu negam os problemas ambientais, pois eles são anunciados por cientistas que ele próprio vê como inúteis e contrários às suas crenças religiosas. Sente um prazer profundo quando seu governante maior faz acusações moralistas contra desafetos, e quando prega a morte de “bandidos” e a destruição de todos os opositores.
Ao assistir o show de horrores diário produzido pelo “mito”, esse cidadão não é tocado pela aversão, pela vergonha alheia ou pela rejeição do que vê. Ao contrário, ele sente aflorar em si mesmo o Jair que vive dentro de cada um, que fala exatamente aquilo que ele próprio gostaria de dizer, que extravasa sua versão reprimida e escondida no submundo do seu eu mais profundo e mais verdadeiro.
O “brasileiro médio” não entende patavinas do sistema democrático e de como ele funciona, da independência e autonomia entre os poderes, da necessidade de isonomia do judiciário, da importância dos partidos políticos e do debate de ideias e projetos que é responsabilidade do Congresso Nacional. É essa ignorância política que lhe faz ter orgasmos quando o Presidente incentiva ataques ao Parlamento e ao STF, instâncias vistas pelo “cidadão comum” como lentas, burocráticas, corrompidas e desnecessárias. Destruí-las, portanto, em sua visão, não é ameaçar todo o sistema democrático, mas condição necessária para fazê-lo funcionar.
Esse brasileiro não vai pra rua para defender um governante lunático e medíocre; ele vai gritar para que sua própria mediocridade seja reconhecida e valorizada, e para sentir-se acolhido por outros lunáticos e medíocres que formam um exército de fantoches cuja força dá sustentação ao governo que o representa.
O “brasileiro médio” gosta de hierarquia, ama a autoridade e a família patriarcal, condena a homossexualidade, vê mulheres, negros e índios como inferiores e menos capazes, tem nojo de pobre, embora seja incapaz de perceber que é tão pobre quanto os que condena. Vê a pobreza e o desemprego dos outros como falta de fibra moral, mas percebe a própria miséria e falta de dinheiro como culpa dos outros e falta de oportunidade. Exige do governo benefícios de toda ordem que a lei lhe assegura, mas acha absurdo quando outros, principalmente mais pobres, têm o mesmo benefício.
Poucas vezes na nossa história o povo brasileiro esteve tão bem representado por seus governantes. Por isso não basta perguntar como é possível que um Presidente da República consiga ser tão indigno do cargo e ainda assim manter o apoio incondicional de um terço da população. A questão a ser respondida é: como milhões de brasileiros mantêm vivos padrões tão altos de mediocridade, intolerância, preconceito e falta de senso crítico ao ponto de sentirem-se representados por tal governo?


Mentiras aplausos e nome de “ mito “ , multidão gritando por ele , Aplaudindo , dentro e fora da Igreja . Uma recepção calorosa do vista maior no 7 de setembro , está é a verdadeira pesquisa vista e sentida ao vivo . Todos os brasileiros assistiram no Yotube a grandeza e bela recepção em Aparecida . O Presidente na pandemia com fecha tudo de São Paulo , recebeu um pedido do prefeito para socorrer com alimentos , a Seagesp mandou 5 caminhões de alimentos . Povo foi para agradecer . Parabéns Presidente mostrou que é querido dos brasileiros .


O patético Arcebispo Dom Orlando Brandes faz ataques indiretos ao Presidente Bolsonaro e ainda falou contra as armas (mas tem seus seguranças de escolta), e foi VAIADO enquanto passava próximo da Sala de Promessas aos gritos: "BISPO COMUNISTA" ( mas a grande mídia canhota omite e não noticia), então o BISPO COMUNISTA LOGO SE APRESSOU E SUMIU KKKKKKK.... A CNBB tem que entender que os seus discursos esquerdistas são inteiramente repudiados pelos Católicos! A CNBB não tem mais créditos com os Católicos!!! A Esquerda é anticristã! Nossa Senhora Aparecida, Rainha e Padroeira do Brasil, rogai por nós e aniquilai o comunismo!!! #BolsonaroReeleito2022



Opinião Política : Com o embargo da carne brasileira pela China e países aliados, juntamente com a pressão dos EUA e da Europa no agronegócio e na pecuária brasileira, eu acredito que a classe Política e todos os poderes se uniram em torno do governo Bolsonaro, sem deixar transparecer mas já demonstrando, Bolsonaro está com total apoio de toda a classe Política e também de todos os poderes da República, isso é mal porque nós estamos nos isolando politicamente, o Brasil isolado vai sofrer mais embargos e aí vamos sofrer um parasitismo estatal, ou seja : O Estado para se manter vai parasitar o seu próprio povo, isso na prática já está acontecendo, aumento de impostos, aumento no preço dos combustíveis , fim do assistencialismo, precarização dos serviços públicos e cortes de verbas


Toda unanimidade é burra, logo sempre teremos opiniões diferentes e na esferas políticas isso é chamado de democracia. Sendo Assim temos os prós e contra, os contras e prós. Mas uma coisa é certa Bolsonaro é escolhido e o 7 de setembro deixou isso bem claro pela segunda vez, pois a primeira foi nas urnas em 2017. Agora de uma outra coisa eu sei tem gente com abstinência de dinheiro público e o governo atual enxugou as verbas desnecessárias como lei roanet, ministério de cabide de emprego para votos entre tantos outros, sem contar a falsa teologia da libertação que fala muito em defesa de pobres e meio ambiente, onde são liderados por filosofia e ideologias marxistas, sendo um deles excomungado pela igreja no Papado de Bento VI Leonardo Boff, e tem frei Beto bispo e padre da comunidade de base do PT que solta dinheiro para, conseguir ser eleito como Lula condenado. Sem mais delongas vai chegar o dia em que: Muitos me dirão naquele dia: ‘Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? Em teu nome não expulsamos demônios e não realizamos muitos milagres? ’

Então eu lhes direi claramente: ‘Nunca os conheci. Afastem-se de mim vocês, que praticam o mal! ’ "

Mateus 7:22,23


Programa Brasil Fraterno é lançado em Aparecida (SP)
Iniciativa tem como objetivo arrecadar e doar cestas de alimentos para pessoas em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar
Compartilhe:
Publicado em 26/03/2021 21h09
Programa Brasil Fraterno é lançado em Aparecida do Norte (SP)
A ação inicial em Aparecida tem como objetivo atender 7 mil famílias com a doação de cerca de 300 toneladas de alimentos. - Foto: Pátria Voluntária

Em Aparecida (SP), milhares de moradores dependem do turismo para tirar o sustento de cada dia. Com a Covid-19 e a redução no número de pessoas visitando a cidade e um dos principais pontos, a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, a preocupação se tornou grande.

“Aparecida não tem uma indústria, uma fábrica que sustenta a população da cidade”, disse Aureliano Benedito dos Santos, dono de um dos hotéis da região. Já a atendente de restaurante Gisele Cícera Cavalcante contou que a família só conta com o salário dela neste momento. “Eu tenho um filho pequeno para criar. Meu marido está desempregado, porque o hotel em que ele trabalhava está falido.”

Por esse motivo, a cidade foi escolhida como palco de lançamento do Brasil Fraterno, que busca garantir segurança alimentar por meio da doação de alimentos a pessoas em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar.

A ação inicial em Aparecida tem como objetivo atender 7 mil famílias com a doação de cerca de 300 toneladas de alimentos, arrecadadas por meio da parceria entre Ministério da Cidadania, Programa Pátria Voluntária, Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) e empresários paulistas.

“A gente veio aqui para tentar trazer um pouco de ânimo para esta população, e trazer a mensagem de solidariedade”, ressaltou o diretor-presidente da Ceagesp, coronel Ricardo de Mello Araújo.

Brasil Fraterno
O Brasil Fraterno é uma parceria entre Ministério da Cidadania, Pátria Voluntária e Sistema S. O ministério será responsável pela articulação e integração com políticas sociais. O programa Nacional de Voluntariado trabalhará na mobilização da população e o Sistema S fará a captação de recursos.

“A tristeza deste município é também a de muitas outras cidades de nosso país que vivem essencialmente do turismo. E sabemos que as pessoas que têm fome não podem esperar. Por isso, trago aqui uma palavra de esperança e de fé. A esperança que aquece nossos corações vem da empatia dos empresários que responderam rapidamente aos nossos pedidos de ajuda por meio do Brasil Acolhedor. Vem da rapidez da resposta das Forças Armadas para a distribuição dos alimentos. Vem também da união de esforços do Governo Federal”, afirmou a Primeira-dama e presidente do Conselho do Pátria Voluntária, Michelle Bolsonaro.

O ministro da Cidadania, João Roma, destacou a importância da medida. “A fome não vai parar. Esta é uma ação pontual, mas não pode perder suas perspectivas. O que estamos tratando aqui é de segurança alimentar, oferecer o mínimo de dignidade ao nosso povo. O Ministério da Cidadania é o braço social do Governo Bolsonaro, e não vamos deixar ninguém para trás”, ressaltou.


vixi agora ficou provado que o nosso chamado de presidente e bem desenformado em tudo,porque alem-de não saber nada de politica ou de governar ,ainda é pagão tambem crente e adorador de imagens de escultura coisa que é condenado pelo nosso soberano pai criador,...VAMOS VER AQUI O QUE DIZ A BIBLIA SOBRE ADORADORES E ADORAÇÃO DE IMAGENS DE ESCULTURA..........AMADOS IRMÃOS DE FÉ,VOCES PRECISAM E DEVEM CONHECER AS ESCRITURAS SAGRADAS,E INTENDER QUE ISSO DE ADORAÇÃO A IMAGENS DE ESCULTURA ,E TOTALMENTE CONDENADO PELO SANTISSIMO PAI CRIADOR,ELE CHAMA ISSO DE IDOLÁTRIA,E INCLUSIVE JA MOSTRA QUAL SERÁ O FIM DOS IDÓLATRAS,..VEJAM AQUI ALGUNS TEXTOS DA BIBLIA QUE DEIXA ISSO MUITO CLARO.E DEPOIS VEJA QUAL SERÁ O FIM DOS QUE DESOBEDECEREM A PALAVRA QUE DIZ PARA NÃO ADORAR A IMAGENS,,VEJAM ALGUNS TEXTOS QUE O PAI DEIXA CLARO QUE ADORAR A IMAGENS ELE CONDENAVEL....EXODO,20;4 A 6,DIZ..<>Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.
E faço misericórdia a milhares dos que me amam e aos que guardam os meus mandamentos.<>LEVITICO,26;1.DIZ..<>Não fareis para vós ídolos, nem vos levantareis imagem de escultura, nem estátua, nem poreis pedra figurada na vossa terra, para inclinar-vos a ela; porque eu sou o SENHOR vosso Deus.<>ISAIAS,42;5 A 8..DIZ..<>Assim diz Deus, o Senhor, que criou os céus, e os estendeu, e espraiou a terra, e a tudo quanto produz; que dá a respiração ao povo que nela está, e o espírito aos que andam nela.
Eu, o Senhor, te chamei em justiça, e te tomarei pela mão, e te guardarei, e te darei por aliança do povo, e para luz dos gentios.
Para abrir os olhos dos cegos, para tirar da prisão os presos, e do cárcere os que jazem em trevas.
Eu sou o Senhor; este é o meu nome; a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor às imagens de escultura.<>SALMOS,115;4 A 8 DIZ..<>Os ídolos deles são prata e ouro, obra das mãos dos homens.
Têm boca, mas não falam; olhos têm, mas não vêem.
Têm ouvidos, mas não ouvem; narizes têm, mas não cheiram.
Têm mãos, mas não apalpam; pés têm, mas não andam; nem som algum sai da sua garganta.
A eles se tornem semelhantes os que os fazem, assim como todos os que neles confiam.
Salmos 115:4-8
Isaías 42:5-8
Levítico 26:1
Êxodo 20:4-6.............ATENÇÃO,VEJAM QUAL SERÁ O FIM DOS IDÓLATRAS,..APC,21;8 E 22;15....<>Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos que se prostituem, e aos feiticeiros, e aos >> idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte---=Mas, ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os >> idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira.
Apocalipse 22:15
Apocalipse 21:8...SE QUISEREM SABER MAIS SOBRE A CONDENAÇÃO DE IMAGENS DE ESCULTURA,E SABER QUE ELAS NÃO TEM NENHUM VALOR,E MUITO ENOS PODER.,BASTA LER NA PROPRIA BIBLIA CATOLICA A BIBLIA AVE MARIA,NO LIVRO DE BARUC CAPITULO,6..LEMBRANDO-QUE ESSE LIVRO FOI TIRADO DA BIBLIA CHAMADA EVANGELICA,O LIVRO DE BARUC VOCE SÓ IRÁ ENCONTRAR NA BIBLIA AVE MARIA,BIBLA CATOLICA..OK,BUSQUEM CONHECER A VERDADE,POIS ESTÁ ESCRITO EM JOÃO,5;39 E 8;32,E 2 CORINTIOS,13;8...Examinais as Escrituras, porque vós cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de mim testificam--E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.---Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade.
2 Coríntios 13:8
João 8:32
João 5:39...AMADOS IRMÃOS DE FÉ,EU VOS ESCREVO PORQUE SOU CONHECEDOR DA PALAVRA,E TAMBEM FUI UM IDOLATRA,POIS DE FATO BUSQUEI CONHECER A VERDADE ,E ME LIBERTEI DO ENGANO SATANICO,OK......ESTÁ ESCRITO EM ATOS,20;26-27 E 2 CORINTIOS,4;3 A 4,VEJAM COM SEUSPROPRIOS OLHOS...<>Portanto, no dia de hoje, vos protesto que estou limpo do sangue de todos.
Porque nunca deixei de vos anunciar todo o conselho de Deus.<<<<>>>>Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, para os que se perdem está encoberto.
Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.
2 Coríntios 4:3,4
Atos 20:26,27


+